Bem- vindos

Bem- vindos

terça-feira, 6 de abril de 2010

Fantasmas do amor


Grande amor a muito proibido,
Ultrapassou os limites da vida,
Sem jamais ser esquecido.

Agora, amantes sem rostos,
Num corpo de ilusão
E alma de tristeza,
Procuram viver esse amor
Que em vida foi proibido.