Bem- vindos

Bem- vindos

segunda-feira, 9 de maio de 2011

Alma Ferida




Em meio ao abandono
- silêncio –
N’alma ferida ecoam
Rudes palavras
No coração valas profundas
De amores que se foram.