Bem- vindos

Bem- vindos

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Inocência




Corpo frágil
Encolhido como botão
Mente serena
Amor no coração.

Dorme anjo inocente
O doce sono da paz.
Aproveita bem
Essa infância.
Que o tempo
É fugaz.