Bem- vindos

Bem- vindos

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Libertar-me




Hoje solto as amarras
Que me prendem a ti
Jogo fora tudo o que te lembra
Libertando-me do sentimento
Que faz te desejar.

Não haverá mais lençóis sedosos
Nem lembranças de ti.
Navegarei contra a maré
Para do meu coração
Te afastar.