Bem- vindos

Bem- vindos

sábado, 10 de novembro de 2012

Instinto


Com um simples toque
a pele incendeia
reacendendo fagulhas
adormecidas do nosso breve amor.
No olhar percebe-se a exigência
O coração pulsa com tamanha força
que o silêncio se quebra destruindo
o abismo que entre nós um dia
se ergueu.
limites não existem mais,
a ousadia impera
difícil não se entregar.