Bem- vindos

Bem- vindos

quinta-feira, 28 de julho de 2011

Aves do Tempo


Andorinhas decolam
Buscando sempre o verão
Do norte ao sul
Do sul ao norte
Dependendo da estação.

No meio do caminho
Enquanto a tarde cai
Buscam apoio
Até que o cansaço esvai.

domingo, 24 de julho de 2011

Mulher


A rosa em seu cabelo
Mostra sua vaidade
Regatada mulher
Essência e fragilidade
Alma inquieta, ornada de
Delicadeza e suavidade.

quinta-feira, 21 de julho de 2011

Entrega


Corpos despidos
- silêncio -
Respiração descompassada
- no espelho -
troca de olhares,
- certezas -
Assim como o vento acaricia os galhos,
Corpos buscam o ritmo certo para se deleitar.

quarta-feira, 20 de julho de 2011

domingo, 17 de julho de 2011

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Somente uma...impossível


Dividida – Entre meu “ontem”
E meu “hoje” -
Percebi que a vida é muito mais
Não se limita a tempo.
Descobri que ser uma só.... impossível
Ainda existe o improvável
E viver de nós sempre exigirá escolher.

domingo, 10 de julho de 2011

quinta-feira, 7 de julho de 2011

Indiferença


Nosso amor um grande engano
Não passou de uma ilusão.
Entre soluços lhe digo
Você foi uma decepção.
Na vida o tropeço faz parte
Mas passo a passo vou me recompor
Assim como água em cachoeira é passagem
Você para mim também perdeu seu valor.

segunda-feira, 4 de julho de 2011

Seguindo sua sorte


O sangue cigano corre em suas veias
Povoa sua mente, guiando
a leitura das mãos.
No corpo o ritmo da dança envolvente
- triste condenação –
Escolheu seguir a pegadas de outro
Homem, ainda ecoa em sua mente a
Expulsão.